12 outubro, 2007

Nobel da Paz










Nobel da Paz para Al Gore e Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas (Publico.pt)


A academia sueca atribui o Prémio Nobel da Paz a uma verdade inconveniente , uma verdade que ninguém deve descurar, uma verdade que é de todos e que todos devemos tentar solucionar.

4 comentários:

  1. espero que este prémio signifique mais um passo em frente na tomada de consciência ambiental

    ResponderEliminar
  2. E lá vão mais ums cobres para a carteira já recheada do Sr. Al. É, para ele, um prémio realmente muito conveniente. Depois do filme, dos livros, das conferências pagas a peso de ouro só para elites, só faltava esta. Não me parece, por estas razões, uma escolha muito razoável. Até porque Al Gore escreve e fala sobre generalidades sem apontar um caminho realmente consistente para a resolução do grave problema. A Academia podia e devia ter-se ficado apenas pelo PIAC.

    ResponderEliminar
  3. E bastante bem atribuído, penso eu.
    As questões ambientais, se não forem tidas em devida conta, poderão dar a este o planeta o fim que nenhuma guerra conseguirá...

    Beijinho

    ResponderEliminar
  4. SA, sempre receberam o prémio, espero que agora não fiquei a sombra da bananeira. Bjs.

    JG, concordo plenamente, só que como tudo o que vemos há mais politica envolvida do que mérito próprio.

    LB, agora é tentar passar ao activo, pensar nas soluções "passivas" de serem feitas.

    ResponderEliminar