27 janeiro, 2006

10ª Vítima da Gripe das Aves


CHINA ANUNCIA DÉCIMO CASO DE GRIPE
AVIÁRIA NO PAÍS
O Governo chinês anunciou no início desta semana a ocorrência do décimo caso de gripe aviária em humanos no país. A vítima é uma mulher de 29 anos que vive na região ocidental chinesa e administrava uma loja num mercado de produtos agrícolas na cidade de Jinhua, na província de Sichuan.

26 janeiro, 2006

Gripe das aves - vírus H5

Dois casos de gripe das aves identificados em frangos no norte de Chipre

....


Continua o aparecimento de casos na Europa...

25 janeiro, 2006

Ciência ...

É curioso como a ciência se dedica também as estatisticas, não é só o nosso governo.
O dia mais deprimente do ano
Sandra Pereira
Segundo um investigador britânico, hoje é o dia mais deprimente do ano. Cliff Arnall garante que é a conjugação de seis factores que contribui para que o dia 23 de Janeiro não seja nada optimista para muitos.
Segundo o especialista em saúde mental da Universidade de Cardiff, este é o dia mais deprimente do ano. Não se trata de futurologia mas de cálculos matemáticos que Cliff Arnall resume em seis factores que, segundo ele, se conjugam no primeiro mês do ano: o frio do Inverno, o tempo que decorreu desde o Natal, o regresso ao trabalho depois das festas, a chegada das facturas para pagar, as resoluções de ano novo frustradas e a ausência de expectativas em relação a uma melhoria do panorama nas semanas que se seguem.
No ano passado calhou na segunda-feira 24 de Janeiro. Aplicando a fórmula matemática de Arnall não restam dúvidas de que o dia 24 de Janeiro tem tudo para ser o mais deprimente de todos. Só que os efeitos fazem sentir-se com mais impacto no início da semana, o que faz com que hoje será um dia em que um grande número de pessoas se sentirá mais ou menos em baixo.
O professor recusa, no entanto, quaisquer fatalismos e diz que, a partir desta informação, a melhor a fazer é não baixar os braços. "Encorajo as pessoas a utilizar este dado como um catalizador da mudança", explica, citado pela AFP.
Mas se há um dia verdadeiramente mau do ano, a boa notícia é que, de acordo com a mesma fórmula, existe outro que tem tudo para ser excepcional. Acontecerá a 23 de Junho, sexta-feira.

23 janeiro, 2006

Nem todos os dias são rosas ...

Hoje estou num dia péssimo…
Como eu odeio estar assim, mas parece mais forte que eu…
Sabem aqueles dias em que acordam já super atrasadas?
Super stressadas?
Têm que se vestir à pressa?
Têm vontade de implicar com alguém?
Pronto, eu estou assim…

19 janeiro, 2006

Não há medicamentos

Gripe das aves:
Não há medicamentos eficazes no mercado
Estudo questiona eficácia do Tamiflu em caso de pandemia


Um estudo de investigadores italianos põe em causa a eficácia do medicamento Tamiflu no caso de uma pandemia de gripe das aves entre seres humanos e afirma mesmo que não há qualquer produto eficaz actualmente no mercado.


??????????????????????????

18 janeiro, 2006

Vírus H5N1 - e Portugal ??????

Será que Portugal está preparado para fazer face a uma situação como esta?

Laurie Garrett, analista de saúde global: "O mundo não está preparado para uma pandemia de gripe"
Não temos como saber se o vírus da gripe das aves que actualmente mata na Ásia vai evoluir para um vírus transmissível entre humanos. Mas se isso acontecer com o H5N1, que tem uma taxa de mortalidade nunca vista, o mundo não está preparado para os possíveis cenários. Os políticos limitaram-se a presumir que os cientistas apareceriam com uma vacina eficaz e as farmacêuticas comportam-se tendo em conta o potencial de lucro de uma crise de gripe, acusa Laurie Garrett, autora especializa em saúde global e doenças emergentes.
18-01-2006 13:30:00.
Fonte LUSA. Notícia SIR-7654764
Sexta vítima humana na China
Pequim, 18 jan (Lusa) -
Uma mulher de 35 anos morreu de gripe das aves na China, o que eleva para seis o número de óbitos causados pelo vírus H5N1 no país, anunciou hoje fonte do Ministério da Saúde.
A vítima, residente na aldeia de Zhujiaxiang, na província de Sichuan (sudoeste), morreu a 11 de Janeiro, segundo a mesma fonte.
Trata-se do nono caso humano de gripe das aves registado na China, seis dos quais foram mortais.
CM.
Novo caso de gripe das aves na Turquia
Por AFP
terça-feira, 17 de Janeiro de 2006
O Centro de Coordenação para a Gripe das Aves na Turquia confirmou hoje que uma criança está hospitalizada em Erzurum, no este do país, contaminada com a doença.
Este caso eleva para 21 o número de pessoas infectadas com a gripe das aves na Turquia, sendo que quatro delas morreram devido à doença.
Até ao dia 14 deste mês, a OMS contabilizou 79 mortes a nível mundial desde a eclosão deste surto, em Novembro de 2003.O maior número de vítimas concentra-se no sudeste asiático e o país mais afectado foi o Vietname, onde a doença vitimou 42 pessoas. Além das infecções em humanos, a doença levou ao abate de milhões de aves em toda a região.

Inglaterra: 53 aves mortas devido ao vírus H5N1
Por AFP
terça-feira, 15 de Novembro de 2005
Cinquenta e três canários morreram em Inglaterra devido ao vírus da gripe das aves H5N1. As aves estavam em quarentena num centro veterinário desde o mês passado.

Segundo revelou hoje o Ministério da Agricultura britânico, naquele centro veterinário em Essex já tinha sido anteriormente detectado o vírus num papagaio proveniente do Suriname (América do Sul), que acabaria por morrer.O ministério afirmou, contudo, que não é possível determinar se foi aquela ave que esteve na origem da infecção. As 53 aves agora mortas eram provenientes de Taiwan (Ásia).

17 janeiro, 2006

Porto - Cidade luz

Ponte Dom Luis Posted by Picasa

13 janeiro, 2006


e assim vai o tempo...

Frio,

Chuva,

Como o estado da Nação.

11 janeiro, 2006

Palavras...

As palavras

São como um cristal,
as palavras.
Algumas, um punhal,
um incêndio.
Outras,
orvalho apenas.

Secretas vêm, cheias de memória.
Inseguras navegam:
barcos ou beijos,
as águas estremecem.

Desamparadas, inocentes,
leves.
Tecidas são de luz
e são a noite.
E mesmo pálidas
verdes paraísos lembram ainda.

Quem as escuta? Quem
as recolhe, assim,
cruéis, desfeitas,
nas suas conchas puras?

"Eugénio de Andrade"

08 janeiro, 2006

"Nenhuma nação, nenhuma religião, nenhum sistema económico, nenhum corpo de conhecimento pode oferecer todas as respostas ... Devem certamente existir sistemas que funcionem muito melhor do que qualquer um daqueles que existem. Conforme a boa tradição científica, a nossa tarefa é descobri-los.
... Sem dúvida, a ciência não é perfeita e pode ser mal utilizada, mas é de longe o melhor instrumento que possuímos, que se corrige a si-próprio, que progride sem cessar, que se aplica a tudo. Obedece a duas regras fundamentais:

- a primeira, não existe verdades sagradas, todas as asserções devem ser cuidadosamente examinadas com espírito crítico, os argumentos de autoridade não têm valor;
- e segunda, tudo aquilo que esteja em contradição com os factos tem de ser afastado ou revisto.
... Por vezes, o óbvio está errado e o insólito é verdadeiro."

in

Cosmos, Carl Sagan

04 janeiro, 2006

A veia do poeta

Cansado do movimento
Que percorre a linha recta
Fui ficando mais atento
Ao voo da borboleta
Fui subindo em espiral
Declarando-me estafeta
Entre o corpo do real
E a veia do poeta

Mas ela não se detecta
À vista desarmada
E o sangue que lá corre
Em torrente delicada
É a lágrima perpétua
Sai da ponta da caneta
Vai ao fim da via láctea
E cai no fundo da gaveta

Ai de quem nunca guardou
Um pouco da sua alma
Numa folha secreta
Ai de quem nunca guardou
Um pouco da sua alma
No fundo duma gaveta
Ai de quem nunca injectou
Um pouco da sua mágoa
Na veia do poeta

Carlos Tê & Rui Veloso